CÂMARA APROVA LEI DE CONSCIENTIZAÇÃO DA SAÚDE SEXUAL E REPRODUTIVA

CÂMARA APROVA LEI DE CONSCIENTIZAÇÃO DA SAÚDE SEXUAL E REPRODUTIVA

 

“Um clitóris tem mais de 8 mil terminações nervosas”. Foi com esta afirmação e com a imagem de um clitóris gigante, projetado para os outros 37 vereadores da Câmara Municipal de Curitiba, que a vereadora Maria Leticia (PV) aprovou o Projeto de Lei da Conscientização da Saúde Sexual e Reprodutiva em Curitiba.

Maria Leticia afirmou que “a saúde sexual vai além da ausência de doenças e é preciso falar de sexo dentro do plenário” – “sexualidade também incluem bem-estar físico, mental e social, em todos os aspectos relacionados ao sistema reprodutivo, suas funções e processos”, completou.

Elucidando os temas ligados à educação sexual, a vereadora e também ginecologista, conseguiu convencer os outros vereadores, da importância de dialogar sobre o assunto nas instituições municipais.

O projeto ainda prevê a criação de uma semana de conscientização, que deve acontecer na segunda semana do mês de agosto, para que a população curitibana tenha acesso a informações que ajudarão no planejamento familiar, e sobre métodos contraceptivos e doenças sexualmente transmissíveis.

“É dever do Estado oferecer acesso a recursos informativos, educacionais, técnicos e científicos que assegurem o livre exercício da saúde sexual e reprodutiva, levando em consideração o desejo dos indivíduos, dos parceiros e casais”, conclui.

Galeria

Notícias relacionadas

Projeto de Lei que combate à pobreza menstrual é aprovado em Curitiba
Câmara de Curitiba libera o uso de máscara em espaços abertos, Vereadora Maria Leticia foi um dos poucos votos contrários
Síndrome de Edwards: aprovado nosso projeto para promover o dia da conscientização