Câmara de Curitiba será iluminada de vermelho em alusão ao Dia Internacional da Menstruação

28 de maio é conhecido no mundo inteiro como o dia de combate a um tabu que ainda persiste: o ciclo menstrual

Milhares de pessoas menstruam no Brasil e no mundo, mas nem todas vivem isso da mesma maneira. A desigualdade social afeta a forma como meninas, mulheres e homens trans lidam com seus ciclos menstruais.  A falta de informação sobre o ciclo menstrual e a falta de absorventes e de infraestrutura básica como banheiro e água encanada têm impactos profundos na vida de quem menstrua. Além da evasão escolar, com meninas faltando até um bimestre por ano por não terem absorvente (segundo relatório da ONU), a pobreza menstrual impacta na saúde, pois o uso indevido de paninhos, miolo de pão, jornal e outros materiais para conter o fluxo menstrual causa infecções como a candidíase.

Pensando nisso, foi criado o Dia Internacional da Menstruação. Em todo o mundo, o dia 28 de maio é dedicado ao combate de um tabu sobre o ciclo menstrual, que segue nos dias de hoje prejudicando o entendimento sobre a saúde da mulher. A Câmara de Curitiba participa dessa data, iluminando o Palácio Rio Branco de vermelho, em alusão à menstruação. O pedido de iluminação foi solicitado pela vereadora e Procuradora da Mulher, Maria Leticia (PV), em parceria com o Coletivo Igualdade Menstrual.

OUTRAS AÇÕES EM PROL DA DIGNIDADE MENSTRUAL

Além da iluminação especial, a Câmara de Curitiba já aprovou uma lei municipal sobre o tema, que institui na rede pública de ensino uma agenda de aulas sobre o ciclo menstrual e a saúde das estudantes, além de indicar a distribuição gratuita de absorventes nas escolas. Outra ação promovida pela Câmara foi uma campanha de arrecadação de itens de higiene básica, em parceria com a Procuradoria da Mulher e com o Coletivo Igualdade Menstrual. Ao todo, mais de 400 produtos foram encaminhados para mulheres e meninas em situação de vulnerabilidade.

DIA INTERNACIONAL DA MENSTRUAÇÃO

Desde 2014, o dia 28 de maio é dedicado à conscientização da higiene menstrual. Criado pela ONG alemã, WASH United, a data tem o objetivo de promover a educação de meninas e mulheres e mostrar a importância de se realizar uma boa higiene durante o período menstrual.  

O Dia Internacional da Higiene Menstrual foi escolhido em consonância com a simbologia do ciclo menstrual: 28, a média de dias de um ciclo, e mês 5 por conta da média de dias de cada ciclo.

Notícias relacionadas

Absorventes gratuitos nas escolas públicas de Curitiba: essa conquista é toda nossa
Praça 19 de Dezembro tem intervenção urbana pela dignidade menstrual em Curitiba
Campanha educativa contra pobreza menstrual segue para sanção