Cartilha online orienta pessoas e famílias com doenças degenerativas

A cartilha para pessoas com doenças degenerativas é o resultado de uma Audiência Pública realizada em junho, com cerca de 100 pessoas na Câmara Municipal de Curitiba, de iniciativa dos vereadores Maria Letícia Fagundes (PV) E Hélio Wirbinski (PPS). "Uma sociedade não evolui se não estabelecer um estado de direito, para todos e de forma igual". Disse Maria Leticia.

A cartilha conta com informações básicas como os direitos garantidos por lei, os benefícios, dicas de profissionais de saúde – cuidados médicos e psicológicos que as pessoas e suas famílias devem tomar e outras. A cartilha também será distribuída às instituições sociais.

"Quando pessoas passam por extremas dificuldades com essas doenças, muitas vezes a família adoece junto com o paciente, se esquecendo que muito pode ser feito, através dos seus direitos".

Direitos legais

A cartilha explica, por exemplo, que algumas doenças degenerativas podem obter isenção de Imposto de Renda por se enquadrarem na lei federal 7.713/1988. A norma dá esse benefício a 16 situações consideradas "moléstias graves". O enquadramento depende muito do laudo médico. As regras para a obtenção do documento médico de pessoa com doença degenerativa é diferente nas duas vantagens, do IPI e do Imposto de Renda, sendo mais restrito neste último.

 

Acesse a Cartilha Online sobre Doenças Degenerativas aqui 

Notícias relacionadas

Cartilha orienta sobre direitos das pessoas com doenças degenerativas
Direito das pessoas com doenças degenerativas
Cartilha informará direitos das pessoas com doenças degenerativas