Já pensou em criar um projeto de lei?

Tags:

Compostagem Sustentabilidade

Uma das ferramentas que meu mandato tem usado na elaboração de projetos de lei, é o Design Thinking. O processo de design pode ser uma forma organizada, criativa, construtiva de participação democrática, seja na política do dia-a-dia, seja na política oficial, como a que fazemos aqui, no legislativo.

Ontem (25), no Escritório Verde da UTFPR, realizamos uma construção colaborativa de projeto de lei para hortas e composteiras nas escolas de Curitiba, que chamamos de Colab.

Cerca de 40 participantes, previamente inscritos, passaram por palestras de especialistas e depois se dividiram em cinco grupos. Destes grupos, em algumas etapas – justificativa, ação pedagógica, atores, fases de implementação e cronograma de implementação – ideias e projetos foram criados em cerca de duas horas.

Isso me convence que: ouvir a população e as universidades para a construção de ações políticas, deveria ser obrigatório. Tem sido bonito ver as pessoas pensando de maneira coletiva, o que querem para o futuro e desenvolvimento da cidade onde vivem, com espírito de transparência e colaboração que guiou esta ação.

Agora, com estas ideias compartilhadas e aprimoradas, elaboraremos com ajuda de advogados, um projeto de lei que carregará o nome de todos os que tiveram presentes.

Notícias relacionadas

Direitos da Mulher: orçamento e vontade política
Maria Leticia propõe regulamentação nos parques de Curitiba
Maria Letícia apresenta parecer contrário a projeto na Comissão de Economia