“Lei Maria da Penha é fundamental”, diz vereadora Maria Leticia em palestra para Guarda Municipal

A vereadora Maria Letícia Fagundes (PV) apresentou uma palestra para 9ª turma de formação da Patrulha Maria da Penha, nesta segunda-feira (13), na Casa da Mulher Brasileira. Médica legista no Instituto Médico Legal do Paraná (IML-PR), com atuação direta há mais de vinte anos no atendimento às vítimas de violência, ela explicou aos alunos que o conhecimento da Lei Maria da Penha “é fundamental”, e apresentou os procedimentos realizados no IML.

No início da palestra, Maria Leticia perguntou se os participantes do curso eram voluntários e ao receber resposta positiva, destacou que “quem presencia violência, sofre violência”. Ela explicou que os alunos do curso vão passar por este tipo de situação nos atendimentos e “precisam ser humanizados”. “Não se deixem brutalizar pela violência, pois assim o componente do atendimento humanizado  se perde”, acrescentou Maria Leticia ao mencionar a importância de nunca interferir no relato da vítima durante o atendimento.

A legista apresentou dados das vítimas de violência e pediu aos alunos que ampliem a visão em relação ao assunto. “Não pensem só em mulher adulta, mas em crianças e adolescentes, que geralmente sofrem violência crônica e certamente não sabem pegar o telefone e denunciar”, alertou a vereadora.

Ela também apresentou as instalações do IML, a documentação que o juiz recebe sobre os casos de violência e relatou alguns exemplos atendidos por ela ao longo da carreira, como de uma mãe de família que foi agredida enquanto dormia, sofrendo lesões irreversíveis e consequentemente impactando o sistema econômico e público de saúde.  A vereadora visitou ainda o departamento da Patrulha Maria da Penha na Casa da Mulher Brasileira e se colocou à disposição para ajudar em qualquer situação para que a iniciativa seja ampliada em Curitiba.  

Galeria

Notícias relacionadas

Vereadora Maria Leticia aborda violência familiar em palestra na Fundação Sanepar
Vereadora Maria Leticia fala sobre violência contra mulheres e crianças na Faculdade Pequeno Príncipe
Vereadora Maria Leticia Fagundes indica recursos para Casa da Mulher Brasileira