LIXEIRAS ESPECIAIS PARA DEJETOS ANIMAIS: MELHOR PARA O MEIO AMBIENTE E PARA NOSSA SAÚDE

Tags:

Sustentabilidade

Aprovei mais um projeto na manhã desta quarta-feira (05), na Câmara Municipal de Curitiba. Agora, estão regularizadas as lixeiras para dejetos animais.

Como médica, tenho preocupação, pois as fezes de animais domésticos, podem transmitir doenças como verminoses, que geram nódulos no corpo, aumentam o fígado e o baço e ainda, podem provocar anemia e desnutrição. Além do mais conhecido, o bicho geográfico, que se aloja no indivíduo pelo pé, mão ou quadril e vai fazendo uma espécie de “caminho” em sua pele e causando coceira excessiva.

Para além da saúde dos seres humanos, também temos que pensar na saúde da nossa casa: o planeta que habitamos.

Já existe em diversas cidades do mundo, a coleta diferenciada de dejetos animais em sacos de papel, que são transformados em compostagem. Aprovar esse projeto nos coloca nesse caminho, com uma preocupação maior também, com a limpeza da cidade e destino correto de resíduos.

A ideia é que os donos coletem as fezes com papel e depositem nos locais apropriados. Do contrário, esse dejeto misturado com os demais resíduos vira chorume, pois não há o tratamento adequado de esgoto para tal.

Peço o apoio de todos e toda, para que possamos tornar Curitiba mais limpa e mais saudável para todas as pessoas, cuidando dos nossos animais e também do meio ambiente e do espaço público.

Notícias relacionadas

Maria Leticia propõe lixeira exclusiva para depositar dejetos de animais
Vereadora Maria Leticia, Presidente da Comissão de Saúde, participa de lançamento do aplicativo Saúde Já
Vereadora Maria Leticia sugere instalação de lixeiras subterrâneas