Maria Letícia aborda em audiência pública políticas públicas para pessoas em situação de rua

O tema é polêmico e gera muitas preocupações na sociedade, tendo em vista que entra e sai ano e os índices de pessoas em situação de rua só aumentam. Para debater sobre essa situação grave e preocupante na cidade de Curitiba, a Comissão de Direitos Humanos, Defesa da Cidadania e Segurança Pública, presidida pela vereadora Maria Letícia (PV), promoveu a audiência pública sobre “Políticas Públicas para pessoas em Situação de Rua”, na tarde de hoje (27), na Câmara Municipal de Curitiba.

Segundo a legisladora, “a abordagem deste tema é muito significativo. Não tem como não levantar esse assunto, se a cidadania é um direito de todos”, relatou Maria Letícia. O debate rendeu inúmeros pontos de vista e deu voz não somente a autoridades presentes, mas também a movimentos que participam e vivenciam de perto a situação das ruas.

Faziam parte da mesa de debate da audiência:

– Presidente da Comissão de Direitos Humanos, Defesa da Cidadania e Segurança Pública, vereadora Maria Letícia;

– Vice presidente da Comissão de Direitos Humanos, Defesa da Cidadania e Segurança Pública, vereador Herivelto Oliveira;

– Membros da Comissão de Direitos Humanos, Defesa da Cidadania e Segurança Pública, vereadores Geovane Fernandes e Zezinho do Sabará;

– Coordenador do Movimento Nacional da População de Rua do Paraná, Leonildo José Monteiro Filho;

– Presidente da Comissão de Defesa dos Direitos Humanos da OAB Paraná, Nilton Ribeiro de Souza;

– Promotor do Ministério Público do Paraná, Régis Rogério Vicente Sartori;

– Diretor do Departamento de Assistência Social da Secretaria de Justiça, Família e Trabalho, Fernando Fabiano Castellano Júnior;

– Secretário Executivo da Dimensão Social da Arquidiocese de Curitiba, Leandro Corci da Silva.

Galeria

Notícias relacionadas

Comissão de Direitos Humanos presidida pela vereadora Maria Letícia, promove Audiência Pública “Políticas Públicas para Pessoas em Situação de Rua”
Vereadora Maria Leticia recebe representantes do Movimento Nacional da População em Situação de Rua – MNPR
Pessoas em Situação de Rua