Maria Leticia entrega Prêmio Ecologia e Ambientalismo

Nesta quinta-feira (28), a Câmara Municipal de Curitiba concedeu o prêmio Ecologia e Ambientalismo a cerca de 30 personalidades, empresas e entidades que se destacaram em ações a favor da natureza, do meio ambiente e dos interesses ecológicos da cidade. Na sessão solene, a vereadora Maria Leticia Fagundes entregou o prêmio ao curitibano e ambientalista, Elias Belarmino Correia, no Palácio Rio Branco, Câmara Municipal de Curitiba.

Maria Leticia é líder do Partido Verde na Câmara Municipal de Curitiba e indicou o sr Elias, que é graduado e pós graduado em Gestão Ambiental e Mestre em Meio Urbano e industrial pela Universidade Federal do Paraná.

Abaixo, os históricos sócio ambientais

Foi Presidente da Associação de moradores da Vila Hauer;
Inventor de tecnologia social de sistema alternativo de tratamento de água de poços e cisternas e replicada em aldeias indígenas no norte do Brasil e região metropolitana de Curitiba. Sistema avalizado pela Fundação nacional de Saúde Funasa e Fio Cruz;
Presidente Fundador da ADA- Agencia de Desenvolvimento Ambiental;
Debatedor Fórum mundial Social em 2005 lá debatemos sobre que não deveríamos discutir sobre privatização da água mas sobre o modelo de tratamento da água no Brasil e no mundo;
Coordenador do movimento SOS florestas no Paraná, contra o novo código florestal;
Coordenador do Seminário de Gestão Ambiental sobre as politicas de destinação de resíduos na da Cachimba, Fazenda Rio Grande e Mandirituba;
Delegado em Audiências Públicas de Meio ambiente representado o Fórum do movimento ambientalista do Paraná- FEPAM;
Delegado conselheiro nas Câmaras Técnicas de Meio ambiente da Cidade de Curitiba e da APA do Passaúna;
Organizador na participações da Rio +20 na cúpula dos povos, onde participei da organização da invasão da Rio +20 com os indígenas para parar Belo Monte;
Conselheiro de meio ambiente e delegado na Conferência Nacional de meio ambiente, onde conseguimos barrar a incineração dos resíduos domiciliar no Brasil.
Foi um dos Coordenadores na criação e desenvolvimento da campanha Não Fracking Brasil e das audiências pública e campanhas em favor do clima, ocasião em que organizaram a ação contra a ANP (maior ação de ativismo ambiental do brasil capa em todos os jornais do mundo) e termelétrica de Pecem no Ceará;
Coordenador da virada climática no Paraná;
Semifinalista no 3º Concurso Aprender e Ensinar – Tecnologias Sociais, promovido pela Revista Fórum e a Fundação Banco do Brasil;
Atualmente desenvolve a criação e de políticas públicas de controle social através da criação de organizações sociais, desenvolvendo também um Banco Sócio ambiental;
O homenageado é professor, empresário e empreendedor sócio ambiental, fundador da ONG – ADA – Agencia de Desenvolvimento Ambiental.

 

 

Galeria

Notícias relacionadas

Maria Letícia entrega Prêmio Consagração Pública Municipal a empresa Cinq Tecnologies
Maria Leticia questiona coleta do lixo na Secretaria Municipal do Meio Ambiente
Vereadora Maria Leticia é eleita presidente da Comissão de Meio Ambiente