Maria Leticia fala sobre IML no Jornal do Ônibus

Todos nós estamos indignados! Frequentemente faço o alerta sobre o baixo número de funcionários do Instituto Médico Legal do Paraná (IML-PR). Para ser mais direta digo que os médicos legistas “estão em extinção”. O assunto tomou proporção e comoção coletiva causada pela demora de 14 horas no recolhimento do corpo de um jovem assassinado em via pública, na Região Metropolitana de Curitiba.

Observo a falta de recursos, que prejudica o trabalho dos esforçados funcionários e consequentemente de toda população. Sobre isso, publiquei um vídeo, no qual explico o por quê dessa crise no IML-PR.

Notícias relacionadas

Maria Leticia explica demora do IML no recolhimento de corpos
Maria Leticia participa de confraternização com colegas IML
Maria Leticia apoia retorno de aulas de medicina legal no IML – PR