Maria Leticia propõe Audiência Pública para discutir destinação do lixo reciclável em Curitiba

Será realizada no próximo dia 8 de novembro, a Audiência Pública "Logística Reversa e Recursos", que vai discutir a ampliação da participação das associações de catadores de papel e novas formas de aproveitamento de resíduos em Curitiba.

A vereadora Maria Leticia Fagundes (PV), uma das propositoras da Audiência, juntamente com a vereadora Dona Lourdes (PSB),explica que o tema é fruto de uma preocupação crescente entre as Associações de Catadores de Materiais Recicláveis, após uma diminuição significativa do lixo reciclado, aproximadamente 50%.

"Temos 32 Associações em Curitiba, são mais de 500 trabalhadores e suas famílias que dependem da venda de recicláveis. A qualidade do lixo que está chegando às associações para reciclar é muito ruim. Caiu cerca de 50%, isso significa que houve uma redução salarial drástica dos catadores que participam da reciclagem", afirmou Maria Leticia.

Irregularidades

De acordo com relatos das associações, o lixo "bom" não chega para ser reciclado, pois estaria sendo recolhido por pessoas não cadastradas pela prefeitura – antes de os catadores terem acesso. "Os materiais recicláveis não estão chegando neles, conforme informa a associação, esse lixo já está sendo coletado por pessoas que não participam do sistema", adianta Maria Leticia.

"E eles pegam a melhor parte do lixo o papelão que é o que rende mais economicamente. Isso é o que me preocupou; e pior: deixam o resto do lixo, que seria coletado pelas empresas, o lixo reverso – materiais tóxicos e não aproveitáveis – , a coleta reversa não está acontecendo", lamenta.

Serviço

A Audiência Pública "Logística Reversa e Recursos" será realizada no dia 8 de novembro, às 14h, no Auditório Anexo II da Câmara Municipal de Curitiba.

Notícias relacionadas

Logística reversa é tema de audiência na Câmara Municipal
Maria Leticia quer melhorar condições de trabalho das Associações de Reciclagem de Curitiba
Audiência Pública reúne mais de 100 pessoas para debater destinação do lixo reciclável em Curitiba