Maria Letícia vota contrário ao projeto que flexibiliza a contratação de profissionais temporários

A vereadora Maria Letícia (PV) votou contra o projeto de lei que visa flexibilizar a contratação de profissionais temporários sob o regime de Processo Seletivo Simplificado – PSS. A justificativa do projeto é atender as demandas nas áreas da saúde e educação, colocando profissionais temporários nestes setores ao invés da abertura de concurso publico.

No entanto, alguns vereadores se apresentaram contrários, que foi o caso da vereadora Maria Letícia, que aponta o regime PSS como “precarização dos serviços públicos”. Além disso, a vereadora relatou em sessão plenária que “a contratação de profissionais temporários afeta diretamente a qualidade dos serviços a população, porque este não possui vínculo com o ambiente de trabalho e com o público”, conta a legisladora.

Bastante movimentada a sessão da manhã de hoje (15), com explicações e justificativas de voto de vários vereadores, que ao final da votação teve parecer favorável e o projeto foi aprovado por 28 votos favoráveis e 8 contrários, com 36 vereadores presentes e 2 ausentes da sessão.

Confira a justificativa do voto contrário da vereadora Maria Letícia (PV):

 

FOTO: CMC

Notícias relacionadas

Maria Letícia vota contrário a flexibilização de contratação por PSS
Maria Letícia vota contrário a flexibilização de contratação por PSS
Maria Letícia vota contra projeto de flexibilização de contratações de temporários