O curitibano quer saúde

Jornal do Ônibus

 

Curitiba foi reconhecida nacionalmente por zerar os casos de transmissão vertical do HIV (de mãe para filho). O objetivo foi atingido com muito êxito, valorização e união de todos os profissionais da saúde desde a implantação do programa em 1999. O gestor deve investir na sequência de programas que atinjam de maneira positiva a comunidade.

 

A descontinuidade das políticas públicas faz com que os remédios acabem nas Unidades de Saúde, as macas se acumulem nos corredores dos hospitais, entre outros problemas. O curitibano não vai mais deixar-se enganar, não quer ouvir inverdades, mas resolver o fim de greves, filas para cirurgias. O povo precisa de saúde, ser bem atendido. A política precisa assumir uma nova postura com honestidade e transparência.

Notícias relacionadas

Vereadora Maria Leticia destina mais de R$ 600 mil para saúde em 2018
Maria Leticia quer mais mulheres na política
Maria Leticia fala sobre mulheres na política durante conversa com amigos e empresários