Pessoas em Situação de Rua

O assunto é polêmico e gera muitas falácias e argumentações a respeito da população que vive nas ruas do município de Curitiba. Mesmo em pleno século XXI nos deparamos com discursos de intolerância e rejeição às pessoas que vivem em situação de rua. Muitos apontam culpados, causas e inúmeros motivos, justificando o porque deste número ter crescido ao longo do tempo, tudo isso em razão de não terem interesse em ajudar ou solucionar um problema que se arrasta a décadas.

Para tratar do assunto com pluralidade e pautado nos direitos do cidadão e em sua segurança, a Comissão de Direitos Humanos, Defesa da Cidadania e Segurança Pública, ao qual sou presidente na Câmara Municipal de Curitiba, organizou uma audiência pública com a seguinte temática “Políticas Públicas para Pessoas em Situação de Rua”, a fim de discutir soluções que reduzam o número de pessoas em situação de rua, trazendo iniciativas eficazes no atendimento e acolhimento destes.

A Audiência Pública “Políticas Públicas para Pessoas em Situação de Rua”, será realizada no dia 27 de março de 2019 às 14h, no anexo II da Câmara Municipal de Curitiba, aberta a todos os públicos e interessados em defender e discutir propostas relevantes para atender a população em situação de rua.

Notícias relacionadas

Feminicídio: Como promover o debate e chamar atenção sobre um crime que mata 4 mulheres por dia no Brasil?
Como tirar uma procuradoria do papel e construir uma rede de apoio nos municípios?
Por iniciativa da vereadora Maria Leticia, Polo Gastronômico da Alameda Prudente de Moraes será ampliado