Projeto da Vereadora Maria Leticia recebe parecer favorável da Comissão de Legislação

Em reunião da Comissão de Legislação, Justiça e Redação da Câmara Municipal de Curitiba, realizada nesta terça-feira (14), os vereadores definiram pela tramitação do projeto de lei (005.00033.2017) da vereadora Maria Leticia Fagundes (PV), que prioriza as vagas em centros municipais de educação – CMEIs, às filhas de vítimas de violência doméstica. 

 

A relatoria da proposta ficou com a vereadora Julieta Reis (DEM), que entendeu ser pertinente a tramitação. Na justificativa da matéria, Maria Leticia afirma que muitas das mulheres que sofreram agressão, seja física ou sexual, ficam impedidas de buscar uma colocação no mercado de trabalho, o que as impede de se tornar independentes do opressor, “porque não têm como deixar seus filhos menores sozinhos em casa enquanto trabalham”. Direitos Humanos, Defesa da Cidadania e Segurança Pública, além de Educação, Cultura e Turismo são as próximas comissões a analisar a proposta. 

 

Texto: Câmara Municipal de Curitiba / Edição: Assessoria vereadora Maria Leticia Fagundes

Notícias relacionadas

Vereadora Maria Leticia define ações com Sec. do Abastecimento
Projeto da Semana do Idoso, da vereadora Maria Leticia, é aprovado na Comissão de Saúde
Vereadora Maria Leticia anuncia parceria da Comissão de Saúde da Câmara e da Alep contra DSTs