Vereadora Maria Leticia apoia exigência de antecedentes criminais nas ATTC (Uber, Cabify)

A vereadora Maria Leticia Fagundes (PV), que defende especialmente a segurança da mulher no primeiro mandato na Câmara Municipal de Curitiba, destaca o reforço na segurança dos passageiros curitibanos do transporte individual de passageiros por meio de aplicativos, como Uber, Cabify, entre outros. Para ela, o decreto nº 1.302/2017, que determina entre outras regras a apresentação de antecedentes criminais dos motoristas, traz “segurança em um tempo de modernização do transporte”.

Maria Leticia é médica legista do Instituto Médico Legal do Paraná (IML-PR) e atualmente atende vítimas de violência doméstica. Ela tem uma vasta experiência com casos de mulheres assediadas e até mesmo violentadas durante solicitação de transporte de passageiros solicitados por aplicativos. “Atendi recentemente uma estudante que solicitou o serviço por um desses aplicativos  e o motorista simplesmente desviou a rota e a estuprou na esquina da casa da vítima”, declarou a médica. “É uma garantia de segurança e tranquilidade”, complementou a vereadora. Leia o decreto , clique aqui.

Foto: Chico Camargo CMC

Notícias relacionadas

De uma pesquisa à lei sancionada: como conseguimos mobilizar a sociedade contra o assédio nos ônibus de Curitiba
Teatro Reviver Magó recebe evento “Queremos todas vivas”
Feminicídio: Como promover o debate e chamar atenção sobre um crime que mata 4 mulheres por dia no Brasil?