Vereadora Maria Leticia fala sobre ética e empoderamento feminino em sessão do Dia Internacional da Mulher

A vereadora Maria Leticia Fagundes (PV) foi escolhida para saudar as homenageadas – que se destacaram em suas áreas de atuação na cidade – na sessão solene em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, na noite de terça-feira (07). No discurso sobre ética e empoderamento feminino, ela chamou a atenção para a luta pela igualdade entre os sexos. "Temos que desfazer estereótipos de que mulheres que lutam pelas causas femininas só sabem gritar, ficam com as mamas expostas e não se depilam. Que não querem ter filhos e não gostam de cuidar da casa. Mentira, nós gostamos, só que isso não nos basta mais. Nós queremos mais". Para ela, o objetivo não é ter uma sociedade dominada por mulheres, "quero uma sociedade igualitária". "Essa é a meta que devemos perseguir por um mundo mais justo."

 

A parlamentar comentou sobre uma promoção oferecida esta semana no comércio, em homenagem às mulheres. "Uma grande livraria de Curitiba deu 50% de desconto às mulheres que comprassem livros. Quando cheguei lá, 80% dos títulos ofertados eram de romance e culinária. É assim que a sociedade nos olha. Somos enxergadas assim por homens e mulheres. Acabamos assumindo novos papeis sem nos desfazer dos códigos do passado. Mas mesmo com tudo isso, nada deve nos tirar do controle das nossas vidas." Para a vereadora, é preciso honrar as conquistas das antecessoras, que lutaram pela liberdade. "Temos a obrigação de deixar um legado, de nos libertar da cultura que ainda nos barra na vida social e política." 

 

Ela citou estatísticas da violência contra a mulher no Brasil e no estado e afirmou que 80% dos casos de crimes sexuais atendidos no Instituto de Criminalística do Paraná são contra mulheres. Lamentou também o fim da Secretaria da Mulher. "Foi uma grande tristeza. O que me preocupa é que isto mostra a falta de continuidade das políticas públicas. Muda governo, interrompem-se políticas públicas. Olhando esse quadro geral o melhor mesmo é não perdermos as esperanças.” 

 

A advogada Adriana Denise Teixeira Bezerra, que enfrenta sequelas de paralisia cerebral, fez o pronunciamento em nome de todas as homenageadas. "Lutei a favor da inclusão da pessoa com deficiência na sociedade desde que me formei em direito. Ao perceber que a sociedade me via somente como deficiente e não como mulher em seu direito pleno, e que por vezes, enquanto mulher, meus direitos foram desrespeitados, compreendi que minha luta seria bem maior."

Para ela, a "efetividade da igualdade e da justiça serão alcançadas quando a sociedade estiver aberta para reconhecer a legitimidade e importância de grupos com vulnerabilidades sociais, que diariamente lutam pelo respeito". 

 

Homenageadas
A maior bancada feminina da história da Câmara é formada por Dona Lourdes (PSB), Noemia Rocha (PMDB), Julieta Reis (DEM), Fabiane Rosa (PSDC), Maria Leticia Fagundes (PV), Maria Manfron (PP), Professora Josete (PT) e Katia Dittrich (SD). Cada vereadora indicou nomes. As homenageadas foram Edilmere Regina Sprada; Gilda Elisa Schimanski Basso; Leonir Lucinda dos Santos; Wanda Cabral Salgueiro Zanquettin; Margarita Pericás Sansone; Diorlanda Stoco; Janice Ribeiro Taborda; Laelia Negrão Tonhozi; Helena Lemos Coelho; Maria Lúcia Pascoto Verdério; Marília Vargas; Sylvia Cristina Zely Zanello; Adriana Denise Teixeira Bezerra; Juliana Chagas da Silva Mittelbach; Mari Christina Santilli; Maria Cristina Lobo Oliveira; Edimara das Graças Aguirre Zanocini; Maria Pontes; Nanci Helena de Souza Pantaleão; Carolina Elisabete P. M. de Senna Motta; Ely Regina Franceschi Lemos; Fabíola Cristina Ricardo Lago; Irmã Iracema Vujanski; Letícia Lanz; Valdenice Fanini; Vera Karam de Chueiri; Solange Duarte; Amélia Rodrigues Palhares; Ana Lia Rocha de Macedo; Cátia d'Andrea; e Claudia Almeida. Confira aqui um breve currículo de cada uma das homenageadas da vereadora Maria Leticia.

Autoridades presentes

Estiveram presentes à solenidade os vereadores Mauro Bobato (PTN), Marcos Vieira (PDT), Ezequias Barros (PRP) e Osias Moraes (PRB). Também a presidente da Fundação de Ação Social (FAS), Larissa Tissot; a presidente do Instituto Curitiba de Saúde, Dora Pizzatto; a ex-vereadora Roseli Isidoro, representando a deputada Christiane Yared (PR); o secretário municipal de Defesa Social e Trânsito, Algacir Mikalovski; a presidente do Instituto Municipal de Turismo, Tatiana Turra; Liane Vieira, da Comissão de Apoio às Vítimas de Crimes da Ordem dos Advogados do Brasil – seção Paraná (OAB-PR); a coordenadora da União Brasileira da Mulher – seção Paraná, Maria Isabel Correa; a vice-presidente do Conselho Municipal dos Direitos das Mulheres de Curitiba, Elza Maria Campos; além de administradores regionais e outras autoridades. O evento contou com a apresentação do Coral Paraná.

Texto: Michelle Stival da Rocha – Câmara Municipal de Curitiba
Edição: Assessoria de Comunicação Vereadora Maria Leticia Fagundes

Galeria

Notícias relacionadas

Vereadora Maria Leticia participa de reunião do grupo Mulheres do Brasil
Maria Leticia participa de jantar em Ponta Grossa
Vereadora Maria Leticia Fagundes – Ciclo de palestras marca Dia Internacional de Não Violência contra Mulher