Vereadora Maria Leticia leva projeto de agricultura urbana à vice governadora Cida Borghetti

Agricultura Urbana foi o tema levado pela vereadora Maria Leticia Fagundes à vice-governadora Cida Borghetti, nesta quarta-feira (03). O Centro de Referência de Agricultura Urbana e Economia Criativa na região Central de Curitiba foi apresentado pelo secretário municipal de Abastecimento (SMAB), Luiz Gusi. “A produção de alimentos no espaço urbano é uma tendência mundial”, destacou Gusi.  A vice governadora demonstrou apoio à iniciativa focada à política inovadora, a qual atende os objetivos de sustentabilidade da Organização das Nações Unidas (ONU). “Iniciativa muito bacana que ocupa espaços urbanos com agricultura familiar integrando a comunidade com segurança alimentar, capacitação e qualidade de vida. Vamos atuar juntos na articulação junto ao Governo Federal de áreas que possam ser utilizadas no centro de Curitiba.”, acrescentou Cida.

Conforme o projeto apresentado, o objetivo é "aglutinar agentes públicos, privados e comunidade para desenvolvimento e execução conjunta de programas e projetos para promover e ampliar as práticas produtivas em espaços vazios urbanos e difundir soluções e modelos inovadores, com resultados e impactos positivos: alimentares, ambientais, educacionais, sociais, urbanos e de sustentabilidade das cidades".

Gusi explicou a localização da área prevista para implantação da proposta, a qual necessita de autorização do Governo Federal. “Fica próxima à estação rodoferroviária de Curitiba, Estádio Durival Britto e Silva, ao lado de uma área de manobra, ocupada por muitas vezes pelo Movimento Sem Terra – MST”, disse o secretário com o croqui do projeto em mãos.

A assessoria do gabinete da vice governadora contribuiu com a informação de que na área há um litígio e que a situação poderia ser esclarecida na Superintendência do Patrimônio da União no Paraná.

A vereadora Maria Leticia agendou a reunião com a vice governadora logo que teve conhecimento da proposta pela relevância do tema para a sociedade. Ela defende o pioneirismo de Curitiba na adequação da administração pública às metas propostas pela Organização das Nações Unidas. Projeto de Lei 005.00365.2017, de autoria da parlamentar, prevê a implementação da Agenda 2030, com objetivo de fomentar os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável – ODS.

“Curitiba será beneficiada pelas atividades e projetos do programa, que visam o equilíbrio das três dimensões do desenvolvimento sustentável: a econômica, a social e a ambiental; lembrando que diversos municípios já possuem inclusive lei já aprovada para ter acesso aos programas propostos pela ONU”, afirma a vereadora no texto do projeto.

Galeria

Notícias relacionadas

Vereadora Maria Leticia participa de debate sobre agricultura urbana na Câmara de Curitiba
Vereadora Maria Leticia e Cida Borghetti apoiam projeto de esporte para crianças com câncer
Vereadora Maria Letícia Fagundes declara apoio ao Dia Nacional de Luta Contra o Câncer de Mama