Vereadora Maria Leticia propõe fisioterapia obrigatória em casas de idosos

O comprometimento da vereadora Maria Leticia Fagundes (PV) com a saúde, bem estar e qualidade de vida dos idosos na capital paranaense, motivou a elaboração do projeto de lei 005.00344.2017 em tramitação na Câmara Municipal de Curitiba.

A proposta obriga a realização de sessões de fisioterapia geriátrica em todos os estabelecimentos que prestem serviços de atenção, trato, guarda, repouso cuidados e internação para idosos. A vereadora determina ainda que sejam realizadas pelo menos 3 (três) sessões por semana e em casos específicos, por orientação médica, o atendimento deve ser personalizado.

 “O objetivo é oportunizar a manutenção, prevenção e recuperação das mudanças fisiológicas e biomecânicas ocorridas pelo processo de envelhecimento, como a diminuição da massa muscular e da densidade óssea, a perda da força muscular, da agilidade, da coordenação motora, do equilíbrio e da mobilidade articular, dentre outros processos”, justifica Maria Leticia, que é médica e presidente da Comissão de Saúde, Bem Estar Social e Esporte da Câmara Municipal de Curitiba

“Para quem já passou dos 60 anos, o trabalho de um fisioterapeuta ajudará a lidar com as dificuldades motoras, respiratórias e até quedas recorrentes”, declara a vereadora no texto do projeto.

A parlamentar relata ainda que até o ano de 2050 a estimativa é que a população de idosos deve representar 22% da população mundial e destes, mais de 80% estarão vivendo em países em fase de desenvolvimento. “A previsão é que até lá o Brasil seja o 6º país mais envelhecido do mundo”, diz a vereadora.

Foto: Chico Camargo CMC

Notícias relacionadas

Maria Leticia sugere ampliação de vagas de estacionamento prioritárias próximo a Associação Paranaense dos Portadores de Parkinsonismo
Maria Leticia pede arquivamento do processo contra Renato Freitas 
Maria Leticia debate em plenário da Câmara situação caótica no atendimento pediátrico nas UPAs de Curitiba